• É nessa manhã que eu gostaria de me acordar

    para que olhares dos meninos, jovens e velhos
    me possam transmitir esperanças que já me abandonaram
    forças que já não consigo sentir
    nestes momentos de passos irreversíveis de construir uma sociedade justa,
    mais social, sem maldade
    Nesta manhã de apelos para mais união, sem vingança
    gostaria de ver esperanças nas feições de cada um
    gostaria de sentir toada que nos lembrassem
    que a melhor forma de convivência
    é saber andar, movimentar de mãos dadas
    sem rancor, sem tendências de vingança
    sem imposição de força, nem violência, mas com argumentos
    com opiniões construrivas, diálogo e vontade de encontrar soluçoes consensuais
    Esquecer tudo, para sempre
    jamais podemos,
    mas continuar a viver sempre na senda do passado
    não nos leva a parte nenhuma
    Cada tempo que passa
    não passa das nossas bagagens que levamos connosco
    mas que jamais da mesma constelação, da mesma forma e peso
    ao lugar do destino chega
    Sem esquecer dos momentos amargos e críticos
    devemos saber perdoar
    devemos saber dar a mão de reconciliação
    sem rancor nem vingança
    para que os raios do sol
    o brilho da lua e das estrelas possam de novo abraçar as nossas almas
    nos traga paz, harmonia e justiça
    Muitos erros foram cometidos, muitos corações feridos,
    muitas famílias assoladas com dodói
    mas usar os males e sombras negativas
    para destruir ainda mais os alicerces de harmonia de paz e de alegria
    não nos leva a parte nehuma
    O tempo de „matchundade“, de „nhêmé“, de „brutasku-salvageria“ de „lei-di-con“
    nao tem mais direito a existência nem a sobrevivência no nosso seio
    O mundo de hoje
    precisa de mais tolerância, mais humanismo, menos violência, regras válidas para todos
    precisa duma Amnistia  moral-social-económicofinaceira geral
    para os que querem um mundo de paz e sem violência
    Esses que ontem atropelaram e assaltaram as esperanças dos nossos sonhos
    e hoje nao querem a estabilidade, paz e progresso desta terra
    que provam ao mundo que são também capazes de corregir os seus erros
    dando um aval para as possibilidades às soluções que nós precisamos
    para que o brilho da lua e das estrelas possam de novo abraçar as nossas almas
    nos traga paz, harmonia, justiça, e parâmetros de convivência que todos nós, num bantabá justo
    precisamos e desejamos para a consolidação da paz, harmonia e boa convivência dos cidadãos
    Higidio Fernandes
    Alemanha  12 de Abril 2013
  • «Considero-me um cidadão político... cujo primeiro compromisso é com o país, a Guiné-Bissau»

    - Garante o escritor Fernando Casimiro “Didinho” Fernando Jorge Gomes da Fonseca Casimiro, “Didinho”, concedeu uma entrevista exclusiva a Gazeta de Notícias em que aborda as diversas facetas da actualidade guineense. Radicado em Portugal desde 1988, autor de vários artigos de opinião, autor de três obras literárias publicadas, “Didinho” define-se como “Humanista, pensador,[...]

    Read more

    Combate a criminalidade: Militares assumem a patrulha das ruas de Bissau

    Em nota informativa, o comandante do regimento dos Comandos, o coronel Baute Yampta Namam, refere que os seus elementos estão disponíveis para ajudar na manutenção da segurança. "Caso haja qualquer inconveniência nos bairros”, os cidadãos podem ligar para dois números de telefone disponibilizados pelos Comandos, lê-se na nota que tem sido difundida pelos órgãos de comunicação [...]

    Read more

    CRISE INTERNA DO PAIGC FALSO DILEMA

    Reflexão de Ernesto Dabó em saudação ao 44º aniversário da independência da Guiné-Bissau. No passado dia 15 deste Setembro nacional, recebi convite da Comissão organizadora da CONFERÊNCIA NACIONAL DE REFLEXÃO PARA SALVAÇÃO DO PAIGC DE CABRAL, patrocinado pelo grupo dos 15, sob o lema: “UM PAIGC REUNIFICADO E COESO PARA ENFRENTAR FUTUROS DESAFIOS”. Confesso que acolhi o convite[...]

    Read more

    A Deontologia como dimensão éticO-PROFISSIONAL DOS SERVIDORES PÚBLICO - ALGUMAS EMULAÇÕES - Os Servidores públicos são pessoas que prestam serviços ao Estado e às entidades da Administração Pública, com remuneração paga pelos cofres públicos, sendo responsáveis pelo desenvolvimento dos Serviços Públicos, e consequentemente do País, a partir de contribuições que, [...]

    Read more

    “Toka-Toka”: servindo o povo entre elogios dificuldades e depreciações

    TOKA-TOKA é o transporte urbano mais usado de Bissau, mais barato, mas também o mais agitado. Começa a circular às 06 horas e só pára entre às 21 e 22 horas, das periferias ao centro da cidade. Todos passam pelo maior centro comercial do país, o Mercado Municipal de Bandim, onde se vende de tudo para todos os gostos e necessidades, e, em função de qualquer situação financeira. [...]

    Read more

    Para evitar pagamento criadores de gado resistem à vacinação de animais

    "Estamos a deparar com alguns entraves provocados pela resistência de algumas pessoas em vacinar os gados, alegando falta dinheiro; mas, pela injeção de cada animal cobramos um preço muito simbólico”. O esclarecimento é do vice-presidente da Associação dos Criadores de Gado, aquando do início da campanha de vacinação de gado hoje na cidade de Bafatá. Os trabalhos desenvolvidos [...]

    Read more

    CRISE POLÍTICA PERSISTE GUNÉ-BISSAU NUM BECO SEM SAÍDA?

    José Mário Vaz, cidadão guineense eleito Presidente da República da Guiné-Bissau na segunda volta das eleições presidenciais, a 17 de Maio de 2014, tem vindo a ser objecto de duras críticas e ataques de cidadãos particulares e partidos políticos. Em consequência disso, em alguns círculos murmura-se e chega-se ao ponto de considerá-lo o «PIOR PRESIDENTE DA REPÚBLICA QUE A [...]

    Read more

    SINDEPROF desmente declarações da ministra da Educação sobre pagamento de salários aos professores

     “É triste quando um alto responsável de um órgão da soberania do país se dá ao luxo de fazer tais declarações”, lamentou Armando Vaz do SINDEPROF esta terça-feira. Conforme o sindicalista, «infelizmente», desde o anuncio da ministra, segunda-feira  qualquer professor que já passou pelos bancos saiu de lá muito chocado pois, «nenhum dinheiro foi colocado nos bancos». [...]

    Read more

    GUINE-BISSAU: REFLETINDO EM NOME DAS GERAÇÕES FUTURAS EIS ALGO PARA PENSAR…

    Desde o início da sua história, a Guiné-Bissau tem sido sempre um país diverso. Se você ler os boletins culturais e/ou outras publicações emitidas pelas autoridades portuguesas durante a época colonial, descobre que o território que constitui a Guiné-Bissau era ainda mais diversificada na década de 1940 do que é hoje. Após a independência, mais particularmente nos anos 80, as [...]

    Read more

    Reações: LGDH acusa Presidente da República de ignorar esforços dos parceiros

    O secretário Nacional da Comunicação e porta-voz da Liga Guineense dos Direitos Humanos (LGDH) garantiu, hoje, na sede da organização em Bissau, que o derrube do Governo pelo Presidente da República foi uma decisão isolada e projetada. Durante a comunicação a imprensa Alex Bassuko Santos Lopes disse que, infelizmente, perante todo este cenário José Mário Vaz optou por uma decisão [...]

    Read more

    Veja mais artigos >>