• Condé admite falhas na gestão da mediação da CEDEAO e UA

    16 novembre 2017 | Politica | Admin
  • Condé admite falhas na gestão da mediação da CEDEAO e UA

    Alpha Condé, presidente em exercício da União Africana, admitiu estq quinta-feira em Paris falhas na gestão da mediação da CEDEAO e da organização panafricana, incapaz de por cobro ao impasse em Bissau tendo defendido a necessidade de alterar a constituição guineense.
    Alpha Condé é também o chefe de Estado da Guiné Conacri. Um país que está em foco em Paris até esta sexta-feira com um evento sobre o financiamento do plano de desenvolvimento.
    Em declarações a Olivier Rogez Alpha Condé lamentou não ter anunciado em Conacri o nome do primeiro-ministro que fora acordado para a Guiné-Bissau.
    Condé alegou não o ter feito para respeitar a soberania do vizinho guineense e para preservar o seu homólogo, José Mário Vaz que alega não estar a cumprir um Acordo com o qual todas as partes guineenses concordavam.
    Eis a tradução portuguesa das suas declarações (texto e áudio):
    « A constituição da Guiné-Bissau é como a constituição portuguesa.
    O presidente não tem poderes, é um pouco como a rainha de Inglaterra ou o presidente alemão.
    E isto quando ele é eleito por sufrágio universal, o que já é uma contradição.
    A CEDEAO falhou a oportunidade : deviamos durante a transição ter ajudado os nossos amigos da Guiné-Bissau a modificar a constituição.
    Mas há acordos que foram assinados: é o partido maioritário guineense que designa o primeiro-ministro… No caso o PAIGC. Convencêmo-los a prescindir deste direito e que o presidente apresentasse nomes.
    Trata-se de aplicar os Acordos de Conacri que não foram aplicados pelo actual presidente da república.
    Ou seja é preciso voltar a este Acordo que foi aceite por todos.
    Admito que haja uma parte minha de culpa: para respeitar a soberania da Guiné-Bissau não quis anunciar o nome do primeiro-ministro em Conacri.
    Deixei essa tarefa para o presidente. Enganei-me ao fazer isso.
    Se toda a gente lá se encontrava, mais valia ter anunciado o nome do primeiro-ministro.
    Tanto mais que toda a gente estava de acordo com isso.
    Pequei por falta de vigilância, mas fi-lo por respeito para com o presidente Vaz que ainda assim é o presidente da Guiné-Bissau.
    A solução passa por um regresso ao Acordo de Conacri porque este é a sequência dos acordos anteriores de Bissau, Conacri só o veio confirmar.
    Ou seja a solução passa por um regresso ao Acordo de Conacri. »

    RFI

  • No âmbito do Dia Nacional da literatura e poesia, a Associação Guineense dos Escritores (AGE) homenageou hoje, no Clube do Bairro d´Ajuda, o pioneiro da música guineense, José Carlos Schwartz. A iniciativa visa atribuir valor, como é habitual, à uma figura falecida ou viva, ligada a literatura ou música. As atividades comemorativas foram marcadas com récitas de poesias, atuação [...]

    Read more

    CHUVA DE RUMORES EM BISSAU - POPULARIDADE DE JOMAV AQUÉM DE ZERO

    CHUVA DE RUMORES EM BISSAU - POPULARIDADE DE JOMAV AQUÉM DE ZERO O PAÍS VAI MAL. No espaço de dois anos o actual Governo é o QUINTO Governo da legislatura. Há salários em atraso; o Executivo governa sem Programa nem Orçamento (o limite legal do recurso a duodécimos foi atingido); as escolas públicas estão encerradas devido a greve dos professores. A Assembleia Nacional Popular [...]

    Read more

    AVIS D’APPEL D’OFFRES NATIONAL (AAON)

    República da Guiné-Bissau MINISTÉRIO DAS PESCAS ------------- PROJET REGIONAL DES PECHES EN AFRIQUE DE L’OUEST (PRAO-GB) P119380 IDA Grant Number H6530 – GW AVIS D’APPEL D’OFFRES NATIONAL (AAON)  CONSTRUCTION D’UNE STATION CÔTIERE RADAR A PONTÃO – ILE DE CAIÓ AON No. MP/PRAO-GB/T01/2016 Le présent Avis d’appel d’offres suite à l’Avis [...]

    Read more

    Depois de duas semanas de grande turbulência, o programa do Governo de Carlos Correia acabou por passar na Assembleia Nacional Popular da Guiné-Bissau, mas os narcotraficantes latino-americanos tudo farão para que o Estado guineense continue fraco, pois só assim servirá os seus interesses. Com muita dificuldade, o PAIGC conseguiu substituir os deputados que não haviam inicialmente [...]

    Read more

    GUINE-BISSAU: REFLETINDO EM NOME DAS GERAÇÕES FUTURAS EIS ALGO PARA PENSAR…

    Desde o início da sua história, a Guiné-Bissau tem sido sempre um país diverso. Se você ler os boletins culturais e/ou outras publicações emitidas pelas autoridades portuguesas durante a época colonial, descobre que o território que constitui a Guiné-Bissau era ainda mais diversificada na década de 1940 do que é hoje. Após a independência, mais particularmente nos anos 80, as [...]

    Read more

    O PAIGC PADECE DE AMNÉSIA?

    A Guiné-Bissau aspira uma vida simples e segura, uma governação baseada no pragmatismo, porque o contexto político e social da nossa Pátria amada se encontra muito complicado o que mergulhando os cidadãos num desespero difícil de descrever. A classe política em si, não constitui um povo. É ele que ordena e coordena o quadro governativo, que proporciona o bom convívio entre o povo e o[...]

    Read more

    AS FINANÇAS PÚBLICAS: Problemas e Soluções (2)

    O pagamento do salário, na Guiné-Bissau, constitui um das questões que afectam consideravelmente o funcionamento normal das instituições do país e, consequentemente, contribui para a sua fragilização, originando distorções e injustiças gritantes na sua Administração Pública. A título ilustrativo, verifica-se que o salário auferido por um servente é pago 60 vezes pelo mais alto [...]

    Read more

    Não é por acaso que o Presidente da República, José Mário Vaz, não marcou presença, quando devia presidir o acto da celebração da efeméride do 3 de Agosto e a cerimônia de entrega das obras de requalificação da Praça dos Mártires de Pindjiguiti que veio a ser, presidido pelo presidente da ANP, Cipriano Cassamá, que no seu discurso se preocupou em tecer elogios ao governo e trazer a[...]

    Read more

    «DAMA COTCHE»: ARTISTA DE CHARME

    DAMA COTCHE, nome artístico de Elitátia Cotchelita Pereira Cá, manteve uma entrevista com a GN durante a qual falou-se um pouco de tudo; os primeiros passos no mundo da música, os seus projetos e… a sua vida como artista e como jovem com muito caminho a percorrer pela vida fora... A artista da “nova geração” é autora e compositora. “Eu é que componho as minhas músicas. Começo [...]

    Read more

    QUEBEC (CANADÁ) - Ernesto Dabó: Uma descoberta incomum

    No ano passado, Ernesto Dabó lançou Lembrança, um disco fabuloso, gravado com músicos de Quebec, mas infelizmente passou despercebido aqui. Na Guiné-Bissau, é muito diferente, pois o cantor-autor-compositor é considerado um dos pais da música moderna guineense. Diz-se mesmo que Dabo é Vigneault (grande autor-compositor-intérprete de Quebec) da Guiné-Bissau. Aqui ele encontrou seus [...]

    Read more

    Veja mais artigos >>