• Crescimento económico acima da média na Guiné-Bissau deve ser potenciado – FMI

    3 octobre 2017 | Nacional | Admin
  • O crescimento económico guineense tem estado acima do registado na África subsaariana nos últimos três anos e deve ser potenciado, defendeu hoje o chefe da missão do FMI (Fundo Monetário Internacional) para a Guiné-Bissau, Tobias Rasmussen.

    Tobias Rasmussen falava na conferência « Guiné-Bissau Rumo ao Crescimento Sustentável », organizada pelo FMI no âmbito da quarta consulta daquela organização ao país.

    « O crescimento económico na África subsaariana teve um marcante declínio em 2015 e 2016. Compreendendo este crescimento, a Guiné-Bissau aparece em boa posição, porque nos últimos três anos o crescimento guineense esteve acima do registado no resto de África », afirmou Tobias Rasmussen.

    Segundo o responsável, apesar de a África Subsaariana estar a ter uma « modesta recuperação », espera-se para a região um crescimento económico de 03 a 04%, o que contrasta com as previsões para Bissau, que apontam para um crescimento económico de 05% para este ano e 2018.

    « Isto explica-se com a evolução muito positiva dos preços da castanha de caju, que aumentou para níveis recorde », tendo contribuído também uma « importante evolução na gestão da economia », salientou.

    Tobias Rasmussen considerou igualmente que também contribuíram para o crescimento económico, o « investimento na melhoria do abastecimento elétrico e infraestruturas viárias e um maior controlo orçamental e de gestão dívida ».

    Mas, o responsável defende que aquele crescimento pode e deve ser « potenciado », através da estabilidade macroeconómica, por uma política orçamental prudente, a manutenção de um sistema bancário sólido e a continuação das reformas estruturais.

    Para Tobias Rasmussen é também importante, para potenciar o crescimento económico, que seja promovido um ambiente de negócios com « regulamentação estável e transparente », mas também que proteja as pessoas para que ser mais inclusivo.

    O FMI termina terça-feira a sua quarta avaliação à Guiné-Bissau no âmbito do programa que tem com o país e também a visita vinculada ao abrigo do artigo IV, que ocorre a todos os países que trabalham com aquela organização financeira internacional.

    MSE // EL

    Lusa/Fim

    In 24.sapo.pt

  • PR JOMAV exonera secretário de estado da Ordem Pública

    O Presidente da Guiné-Bissau, José Mário Vaz, exonerou hoje o secretário de Estado da Ordem Pública, Francisco Malam Djata, segundo um decreto presidencial divulgado à imprensa «É o senhor Francisco Malam Djata exonerado de funções de secretário de Estado da Ordem Pública», lê-se no diploma. O decreto, que não avança as razões para a exoneração de Francisco Malam Djata [...]

    Read more

    Serviço comunitário MTN irá investir cerca de treze milhões de francos CFA em Faculdades de Medicina de Bissau e Bafatá

      A empresa de Telecomunicação MTN em parceria com Ministério de Saúde publica irão investirem, acerca de treze milhões de francos cfa para as faculdades de medicina de Bissau e de Bafata com salas de informática completa, no quadro da jornada 21 dias do serviço à comunidade. A revelação foi feita hoje pelo Diretor-geral desta empresa de telecomunicação Jabulane [...]

    Read more

    QUEBEC (CANADÁ) - Ernesto Dabó: Uma descoberta incomum

    No ano passado, Ernesto Dabó lançou Lembrança, um disco fabuloso, gravado com músicos de Quebec, mas infelizmente passou despercebido aqui. Na Guiné-Bissau, é muito diferente, pois o cantor-autor-compositor é considerado um dos pais da música moderna guineense. Diz-se mesmo que Dabo é Vigneault (grande autor-compositor-intérprete de Quebec) da Guiné-Bissau. Aqui ele encontrou seus [...]

    Read more

    REPÚBLICA DA GUINÉ-BISSAU MINISTÉRIO DAS PESCAS  ­­DIRECÇÃO-GERAL DA FORMAÇÃO E APOIO AO DESENVOLVIMENTO DAS PESCAS PROJET REGIONAL DES PECHES EN AFRIQUE DE L’OUEST (PRAO GUINEE-BISSAU)   APPEL À MANIFESTATION D’INTERET (AMI) POUR LE POSTE DE SPECIALISTE EN SUIVI ET EVALUATION DU PRAO- GUINEE BISSAU (PRAO-GB) Nº de Prêt/Crédit/Don : IDA PPF V0900 Projet ID : P161906[...]

    Read more

    O Presidente da Guiné-Bissau, José Mário Vaz, apelou esta quarta-feira aos políticos guineenses para aplicarem o Acordo de Bissau para acabar com o impasse político que o país vive. O Presidente da Guiné-Bissau, José Mário Vaz, apelou esta quarta-feira aos políticos guineenses para aplicarem o Acordo de Bissau para acabar com o impasse político que o país vive. Num comunicado [...]

    Read more

    O Presidente do Sindicato Democrático dos Professores (SINDEPROF) disse esta terça-feira (11 de 10) que os professores não podem continuar a receber "magros salários" e a terem uma vida "altamente miserável" e numa condição de insuficiência de salas de aulas. No acto do fecho e da abertura do ano escolar (2015-2016 e 2016-2017) Laureano Pereira da Costa disse que os tempos que agora [...]

    Read more

    FALAR RECONCILIAÇÃO FAZER EXCLUSÃO

    Dá muito jeito falar de reconciliação na Guiné-Bissau, porque no mercado politico nacional é produto que se procura desesperadamente, a ponto de, na maioria dos casos, comprarmos gato por lebre sem nos importarmos com o bichano que compramos. Precisamos dela como de água no deserto. Essa dramática necessidade, paradoxalmente tem sido aproveitada mais para se ocupar centros de decisão e [...]

    Read more

    "OS SOLIDÁRIOS"

    3 octobre 2017 | Reflexão
    &quote;OS SOLIDÁRIOS&quote;

    A chefe nenhum falta solidariedade. Por esta qualidade ser parilhada, os que a partilham são solidários, ou seja, pessoas entre as quais há responsabilidade recíproca e que por isso agem de forma mancomunada. Mais que em qualquer outra esfera de actividade humana, é na política que este fenómeno é observável. Por conseguinte, ter qualquer chefe político, por único responsável duma [...]

    Read more

    ENTRENÓS KU NÓS : Desafio ao PRS - Partido da Rebovação Social

    “A Liberdade Mental deve ser da autoria do Próprio Individuo”- Dr. Kumba Yalá Desde as eleições muito tenho escrito sobre a Guiné- Bissau, mas nunca tinha dedicado umas linhas ao maior partido da Oposição. Melhor, ao Partido do arco da governação. Um partido que, num total de 102 deputados na assembleia da república, por ter 41 deputados merece toda a atenção de todos os [...]

    Read more

    A QUEDA DO GOVERNO NÃO É NOVO E NÃO PASSA DO “DÉJÀ-VU”

    O gesto de demissão do Governo bissau-guineense, procedido ontem (12.08,2015) pela S Ex. Sr. Presidente da República da Guiné-Bissau é mau, uma loucura!  Mas enfim, ele não é novo e não passa do “déjà-vu” dos últimos 21 anos da instituição e “exercício” da nossademocracia pluralista, multipartidária e parlamentar. As 1aseleições de 1994 constituiram o pontapé de [...]

    Read more

    Veja mais artigos >>