• “GREENPEACE” DETECTA MAIS DE 90 NAVIOS NA PESCA ILEGAL NAS ÁGUAS TERRITORIAIS

    31 mars 2017 | Nacional | Admin
  • A organização não governamental internacional Greenpeace” denunciou que mais de 90 (noventa) navios pescam ilegalmente nas águas territoriais da Guiné-Bissau.

    A denúncia consta no relatório sobre os trabalhos de fiscalização levados a cabo pelo navio da organização durante quatro dias nas águas territoriais da Guiné-Bissau, que foi apresentado ao Presidente da República, José Mário Vaz, durante a visita que o Primeiro Magistrado do país efectuou ao navio da organização que se encontra atracado no Cais de Bissau.

    Pavel Klinckhamers, chefe do projecto da Greenpeace, informou ao Chefe de Estado que durante a operação de fiscalização conseguiram capturar oito navios que se encontravam a pescar ilegalmente nas águas territoriais da Guiné-Bissau e que já se encontram no Cais de Bissau.

    Aquele responsável do navio ecológico aconselhou as autoridades competentes do sector das pescas a inspecionarem todos os navios de pesca estrangeira com licenças para a pesca no país.

    Klinckhamers recomendou as autoridades guineenses a criação de frotas regionais para o abastecimento do pescado em todas as regiões do país.

    Em resposta às denúncias da Greenpeace, o Presidente da República disse estar triste e chocado com a notícia da existência de mais de 90 barcos a pescar ilegalmente nas águas do país.

    “Isso vem confirmar tudo o que tenho vindo a dizer. Nos primeiros tempos chamei a atenção de que havia desvios de procedimentos. Confirmou-se quando o novo ministro das Finanças tomou posse, porque 72 horas depois conseguiu dizer claramente como é que os recursos do país estavam a ser geridos”, disse.

    O Presidente da República sublinhou que igualmente chamou a atenção sobre a situação da Zona Económica Exclusiva do país.

    “Confirma-se. Hoje acabamos de receber todas as informações acerca do nosso mar. São 90 barcos a pescar de uma forma ilegal. Isso é extremamente grave para o nosso país” São as 90 escolas, hospitais, estradas perdidas”, lamentou José Mário Vaz.

    O chefe de Estado disse que existem pessoas por detrás de tudo isso a ganhar muito dinheiro à custa do povo guineense, acrescentando que “chegou a hora de abrirmos os olhos para fiscalizar os recursos do país”.

    “Vamos tomar medidas. Eu vou falar com o Primeiro-ministro para tomarmos as medidas para sanear a situação, doa a quem doer”, prometeu José Mário Vaz.

    ANG

  • Para evitar pagamento criadores de gado resistem à vacinação de animais

    "Estamos a deparar com alguns entraves provocados pela resistência de algumas pessoas em vacinar os gados, alegando falta dinheiro; mas, pela injeção de cada animal cobramos um preço muito simbólico”. O esclarecimento é do vice-presidente da Associação dos Criadores de Gado, aquando do início da campanha de vacinação de gado hoje na cidade de Bafatá. Os trabalhos desenvolvidos [...]

    Read more

    PRESIDENTE DA ANP DENUNCIA ALEGADO ALICIAMENTO DE JUÍZES DO SUPREMO TRIBUNAL

    O líder do Parlamento da Guiné-Bissau, Cipriano Cassamá, denunciou terçoje um alegado aliciamento de juízes do Supremo Tribunal (STJ), que no próximo dia 04 de abril elegem o seu novo presidente. Segundo Cassamá, que falava num seminário hoje no Parlamento em Bissau, informações “veiculadas publicamente” indicam “investidas do poder político” no aliciamento de magistrados e [...]

    Read more

    Combate a criminalidade: Militares assumem a patrulha das ruas de Bissau

    Em nota informativa, o comandante do regimento dos Comandos, o coronel Baute Yampta Namam, refere que os seus elementos estão disponíveis para ajudar na manutenção da segurança. "Caso haja qualquer inconveniência nos bairros”, os cidadãos podem ligar para dois números de telefone disponibilizados pelos Comandos, lê-se na nota que tem sido difundida pelos órgãos de comunicação [...]

    Read more

    A Plataforma das Organizações da Sociedade Civil para Democracia Cidadania e Direitos Humanos (POSCDCDH) afirmou, hoje em conferência de imprensa que, é urgentíssimo a formação de um Governo constitucional, a fim de desbloquear o país e continuar efetuar esforços para o seu desenvolvimento. Caso contrário, diz a organização, o atraso na sua formação pode comprometer a abertura do [...]

    Read more

    O diretor da Educação do Sector Autônomo de Bissau alertou, sexta-feira em Bissau aos pais e encarregados de educação que, o processo de matrícula nas escolas públicas do país irá terminar no dia 25 de Setembro. “Assim que o prazo fechar vou reunir, mais uma vez, os diretores das escolas com vista a fazer balanço dos lugares ainda restantes. Caso houver vagas, qualquer interessado [...]

    Read more

    GUINÉ-BISSAU: De politiquices à instabilidade crónica

    Transitamos para a democracia, mas não olhamos atrás para ver se as raízes do colonialismo e da ditadura estão mortas. Recentemente o país completou um ano de crise institucional entre e intra órgãos de soberania que o deixou sem norte e nem rumo face aos propósitos do desenvolvimento e de boa governação. O atual contexto de incerteza alicerçado num obscurantismo político-jurídico [...]

    Read more

    A Associação de Saneamento Básico, Protecção de Água e Ambiente (ASPA) da Região de Bafatá iniciou, ontem, o repovoamento do Parque Natural de Bomma em Bafatá com árvores de variedades locais. Os trabalhos desenvolvidos nos últimos dias devem-se ao mau tempo que assola aquela região, que derrubou várias árvores de grande porte. Por essa razão, a ASPA vai semear quatro tipos de [...]

    Read more

    ARMANDINHO SÁ COORDENADOR DA AMBFM À GN – “LUTAMOS PELO DIREITO À HABITAÇÃO”

    Depois de concluir o curso de engenharia civil em Cuba, em 2000, de regresso à Guiné-Bissau transitou por Lisboa onde tencionava passar uns tempos, mas acabou por ficar até hoje. Não exerce a sua profissão, mas está envolvido no ativismo social, da habitação e da imigração há mais de oito anos, em Portugal. Adquiriu conhecimento na área do empreendedorismo, passando a ensinar os [...]

    Read more

    «Não há crise política na Guiné-Bissau, mas sim impasse institucional» - Soares Sambu, ministro dos Negócios Estrangeiros A situação na Guiné-Bissau foi novamente objecto de um debate no Conselho de Segurança da ONU. O relatório do secretário-geral não é muito otimista, se o impasse persistir. O Conselho de Segurança mantém as sanções e acredita que esta medida permitiu [...]

    Read more

    A DÍVIDA HIPOTECA O FUTURO DO PAÍS

    O Homem íntegro é incorruptível; aquele cuja integridade leva a agir de acordo com as suas convicções, sem fazer qualquer concessão que ponha em causa a sua honra e dignidade. Esse homem pode ser um político? Qual é o preço da convicção de um governante? Pode ser negociado? Será que, em nome da chefia, pode-se negociar as convicções de um povo? Claro que não! Assim diria um [...]

    Read more

    Veja mais artigos >>