• Reação à queda do Governo :Movimento Patriótico rejeitará constituição de Governo de unidade nacional

    15 août 2015 | Sociedade | Admin
  • O líder do Movimento Patriótico manifestou-se sexta-feira contra uma eventual constituição de um Governo de unidade nacional, mostrando a sua inexistência na Constituição da República.

    Por isso, defende que se não for o PAIGC, se não for uma nova maioria, então que se dissolva a Assembleia Nacional Popular permitindo ao povo eleger novos parlamentares.

    José Paulo Semedo lembrou que o seu partido havia enviado uma mensagem ao ex-primeiro ministro Domingos Simões Pereira em que lhe aconselhava a formar um governo especificamente do PAIGC e não Governo de coligação, deixando desta forma o Partido da Renovação Social fazer oposição.

    Os partidos restantes na oposição não têm acesso a dados, referiu o político sublinhando que as opções políticas fazem-se pelo conhecimento de factos.

    “Isso é que obrigou o Presidente da República a fazer o papel da oposição”, afirmou José Paulo Semedo.

    Segundo o líder do Movimento Patriótico a falta de oposição com pretexto de procura de consenso, equilíbrio e estabilidade política, resultou na demissão do Governo.

    Em relação a crise política reconheceu que a saída mais indicada passava pela remodelação governamental, descartando o derrube do Governo saído das urnas.

    Semedo aproveitou a oportunidade para alertar o PAIGC que assuma a situação, uma vez que o mundo não termina por aqui, e que seja indicada uma outra figura para Primeiro-Ministro.

    “Porque, isso ajudaria o equilíbrio social, político, e, daí, avançarmos para frente, pelo que, o partido não dispõe de uma única figura. O PAIGC é que ganhou as eleições e não Domingos, razão pela qual pode fazer mudança do pessoal inclusive do próprio Primeiro-Ministro”, explicou o líder partidário.

  • “CARTÃO DE VISITA” DA GUINÉ-BISSAU - ABÚ CANTA E ENCANTA BISSAU COM ÁLBUM “MAIS UM CHANCE”

    O jovem músico, Abubacar Bailó Camará (Abú) que para alguns críticos da música guineense “é uma promessa da nova geração de músicos capaz de levar o bom nome do país aos grandes palcos internacionais”, trouxe ao público o seu primeiro álbum discográfico intitulado “Mais Um Chance.” Eram por volta das 22 horas e alguns minutos do dia 10 do corrente mês que o jovem músico,[...]

    Read more

    Reações: LGDH acusa Presidente da República de ignorar esforços dos parceiros

    O secretário Nacional da Comunicação e porta-voz da Liga Guineense dos Direitos Humanos (LGDH) garantiu, hoje, na sede da organização em Bissau, que o derrube do Governo pelo Presidente da República foi uma decisão isolada e projetada. Durante a comunicação a imprensa Alex Bassuko Santos Lopes disse que, infelizmente, perante todo este cenário José Mário Vaz optou por uma decisão [...]

    Read more

    PR JOMAV ESTÁ Satisfeito COM O "AMBIENTE QUE VIVE HOJE NA GUINÉ BISSAU" MAS ... HÁ QUESTÕES QUE INTIMAM O GUINEENSE "A alteração da Constituição não é matéria da competência do Presidente da República, é matéria da competência dos guineenses e dos políticos. É uma matéria da exclusiva competência do povo e compete ao povo falar sobre isso", disse no dia 13 de setembro (era [...]

    Read more

    MANCHAS DE PÓLVORA NA ROSEIRA E NO CAPIM

    Luis Carlos Alves de Melo*  Disna, i ka di aos ku tera tindji di burmedju, ku sukuru bisti bom dia (não é de hoje que a terra se tinge de vermelho, e que a luz se transforma em escuridão). A citação com a qual este artigo principia ilustra um dos capítulos de uma obra pouco difundida na esfera cultural: trata-se do livro Entre a Roseira e a Pólvora, o Capim[1], da poetisa guineense [...]

    Read more

    PRESIDENTE DA ANP DENUNCIA ALEGADO ALICIAMENTO DE JUÍZES DO SUPREMO TRIBUNAL

    O líder do Parlamento da Guiné-Bissau, Cipriano Cassamá, denunciou terçoje um alegado aliciamento de juízes do Supremo Tribunal (STJ), que no próximo dia 04 de abril elegem o seu novo presidente. Segundo Cassamá, que falava num seminário hoje no Parlamento em Bissau, informações “veiculadas publicamente” indicam “investidas do poder político” no aliciamento de magistrados e [...]

    Read more

    "OS SOLIDÁRIOS"

    3 octobre 2017 | Reflexão
    &quote;OS SOLIDÁRIOS&quote;

    A chefe nenhum falta solidariedade. Por esta qualidade ser parilhada, os que a partilham são solidários, ou seja, pessoas entre as quais há responsabilidade recíproca e que por isso agem de forma mancomunada. Mais que em qualquer outra esfera de actividade humana, é na política que este fenómeno é observável. Por conseguinte, ter qualquer chefe político, por único responsável duma [...]

    Read more

    ARMANDINHO SÁ COORDENADOR DA AMBFM À GN – “LUTAMOS PELO DIREITO À HABITAÇÃO”

    Depois de concluir o curso de engenharia civil em Cuba, em 2000, de regresso à Guiné-Bissau transitou por Lisboa onde tencionava passar uns tempos, mas acabou por ficar até hoje. Não exerce a sua profissão, mas está envolvido no ativismo social, da habitação e da imigração há mais de oito anos, em Portugal. Adquiriu conhecimento na área do empreendedorismo, passando a ensinar os [...]

    Read more

    8 décembre 2009 | Djumbai

    Clicar aqui para Abrir o Djumbai        

    Read more

    Serviço comunitário MTN irá investir cerca de treze milhões de francos CFA em Faculdades de Medicina de Bissau e Bafatá

      A empresa de Telecomunicação MTN em parceria com Ministério de Saúde publica irão investirem, acerca de treze milhões de francos cfa para as faculdades de medicina de Bissau e de Bafata com salas de informática completa, no quadro da jornada 21 dias do serviço à comunidade. A revelação foi feita hoje pelo Diretor-geral desta empresa de telecomunicação Jabulane [...]

    Read more

    Minino di nha Terra

    27 janvier 2016 | Cultura
    Minino di nha Terra

    Minino di nha Terra Lundjo ma perto santado ma sin pressa gritos sunhos misti bidá bardade má ‘sperança cu confianca nó cumpanher minino ku na lanta ka bu dissa é robau mass kil ky di bó, bu liberdade dirito di vive na bu terra sin sinti kumá abó y di kintal sin cunsi trato de mufino Minino di nha terra É terra y ká kintal di nin Presidente y ká bulanha di políticos[...]

    Read more

    Veja mais artigos >>